Rurouni Kenshi, a lenda está viva!!!

Rurouni Kenshi, diz-vos alguma coisa??? Battousai??? Não, então e se for… Samurai X?!

Ah pois é… esse já é mais fácil de apanhar, e sim… essa mítica personagem tem um filme sobre ele. Perdão, não um, mas TRÊS, três filmes para contar mais ou menos a história original dos desenhos animados do nosso tempo, e também dos mangas que saíram sobre ele. (mais…)

Os cinco tipos de mulheres com quem te deves casar

22817c8ac068bab5993ccffbeff369c9

Os cinco tipos de mulheres com quem te deves casar… por interesse, por estupidez ou até mesmo por seres tipo muito machista.

Se estás farto de levar tampas de miúdas, se já te enfadaste de miúdas com mania que são divas, fotografas, modelos e maquilhadoras dum bairro social qualquer, eis a tua solução.

Apresentamos-te as cinco profissões que melhor encaixam numa mulher, que tu, seu egocêntrico e oportunista de merda, não vais querer perder. (mais…)

A Champions de São Valentim

456

Macho que é macho, que é benfiquista e tem namorada sabe que este dia é mais que especial que há. Hoje é uma espécie de bónus para este senhor… ou então não, será apenas um dia em que está completamente na merda…

Terça-feira, dia de São Valentim e dia de jogo da Champions para o Benfica…  das três uma, ou tem uma namorada que gosta de futebol, ou tem uma namorada que não gosta de futebol e se acha independente, ou então, e por fim, terá uma namorada que não gosta de futebol mas que não tem autoridade nenhuma na relação.

Destas três podemos afirmar que apenas somente com uma delas, não conseguiremos ser felizes, senão vejamos:

A namorada que não gosta de bola e se acha independente:

Neste caso, será sem dúvida o mais complicado para o amante de futebol, pois sabe que se pisa o risco lá vai a relação à vida, este dia é uma espécie de minesweeper, se falha o sítio onde se apresentar à sua mulher, já era… neste caso, não será de certeza o estádio da Luz (fica a dica).

Este é o homem que gosta de vida no limite, o que arrisca, sabendo que qualquer seja a sua opção escolha, dada pela mulher, será ele a pagar, literalmente, e que sabe que não terá grandes benefícios para o seu dia e ainda sofrerá até descobrir se conseguirá conquistar o objectivo principal da noite… pinar!

Este é aquele que acorda e já sabe que está destinado a falhar a ida à bola com os amigos, aquele que abdicou dumas férias em Havana apenas para ter dinheiro durante o dia de hoje.

O dia em que o tudo se passará às ordens e gostos da namorada, ela é que decide o que se vai fazer, onde, como e quando… mas que quem paga, é o amor da sua vida… a conta bancária do namorado.

O dia até pode começar caloroso e romântico, mas com o passar do tempo passa a ser monótono e vai acabar por chegar à noite a comer num restaurante sem sport tv, onde um vinho custará pelo menos 25€, o copo, e onde se passará fome para mostrar-se um tipo civilizado, que após esse sacrilégio irá ainda passar pelo terror, de entrar numa secção de cinema extremamente agradável, para ela, para assistir ao segundo capitulo daquela saga maravilhosa das ’50 sombras de grey’.

Após o terror de praticamente 24horas passado eis o momento de decisão e pelo qual ele aguarda o dia todo.

O momento em que ela irá decidir se quer pinar, ou falar e discutir a porcaria do filme que esteve a ver, enquanto ele, desoladamente tentou encontrar uma parte em que pudesse reanimar o seu menino de estimação sem qualquer resultado positivo.

O mais provável é acabar por adormecer e perder por completo o glamour desta noite ao som da namorada a falar que o filme era excelente.

A namorada que gosta de futebol:

Esta será sem margem para duvidas o melhor de dois mundos, quer pinar, gosta de futebol e ainda vai curtir do dia, nem que seja numa tasca a comer tremoços e abraçada ao seu namorado.

Com ela não há problemas, apenas facilidades, ambos não terão qualquer problema em decidir o que fazer durante este dia, será apenas, acordar, jogar fifa, ir jantar ao Mr. Pizza do Colombo e deslocarem-se à catedral para usufruir do seu tempo a ver a equipa que os une num só pensamento, a equipa de arbitragem, não o Benfica …

E acabam a noite em pleno, independentemente do resultado… a pinar.

A namorada que não tem autoridade na relação

Já a ultima opção, bem… tem tudo para correr bem para ele… já ela, duvido que vá gostar, e acredito piamente que será uma mulher que no futuro próximo se tornará numa forte candidata a líder de um grupo de feministas do bairro onde mora, visto que será com certeza uma pita que mora na linha de Sintra e que acha que o namorado lhe parte o focinho com razão.

Neste caso, será sempre um mar de rosas para ele.

Vai à bola, quer ela queira ou não, porque leva no focinho qualquer das formas, embebeda-se, vê o jogo, diverte-se a mandar uns belos piropos ofensivos para os árbitros e equipa adversária… e caso o jogo corra mal à sua predilecta equipa, chega a casa, e com o frio que está, aquece violentamente as suas frágeis mãos duma forma rápida e eficaz na cara da mulher… que sem saber como nem porquê no dia seguinte estará a contar à suas amigas a sua grande aventura pela sua casa de banho onde os moveis ganharam vida e se intrometeram no seu caminho incessantemente.

Num dia tão romântico como este, e decisivo para qualquer relação, nada melhor do que o homem poder decidir qual destas três personalidades quererá ser durante o dia de hoje.